CRÍTICA NEGATIVA SOBRE SUA ARTE: COMO RESPONDER?

Atualizado: Set 18


Um momento importante na vida de um artista é aquele onde seu trabalho começa a ser exposto. Seja através de redes sociais, sites, ou para amigos e familiares. Queremos que nossa obra seja vista e, desesperadamente, saber o que o espectador pensa sobre ela. Mas será que queremos mesmo saber?

Ao mesmo tempo que buscamos essa resposta vinda do espectador, odiamos críticas. Para ser justa, todo mundo odeia. Construtiva ou não, crítica negativa não chega doce como um "que trabalho brilhante".

Mas infelizmente (ou felizmente) artistas precisam de críticas, precisam que seus trabalhos gerem diálogos entre as pessoas. Nem sempre elas são positivas, não espere sempre o contrário, mas também não mate o mensageiro.

Como lidar de forma saudável quando algo que diz tanto sobre você, que foi criado a partir de seus sentimentos mais profundos e corajosamente exposto, recebe uma avaliação negativa?

É importante saber que grande parte de "ser um artista" significa estar aberto a novas ideias, atitudes e pensamentos. Estar sempre aprendendo é essencial. Mesmo artistas bem sucedidos estão abertos a mudar de ideia, se esforçando constantemente para melhorar seu trabalho.

Portanto, pense nesta resposta como qualquer outro aprendizado. Você precisa discernir sobre o que tem valor e o que não tem.

Nem toda resposta ao seu trabalho será relevante. Por isso (as vezes), o melhor a fazer é respeitar a opinião do outro e seguir em frente.

Tenha consciência de que a resposta a um trabalho artístico se dá em primeira instância a um subconsciente construído de experiências anteriores, referências, estéticas e ideias intrínsecas ao espectador, ou seja, esta resposta diz muito mais sobre ele do que sobre você.

Uma boa saída para um crítica negativa é, primeiramente treinar uma expressão neutra (acredite, essa é a parte mais difícil), dizer "Isso é interessante".

"Isso é interessante" se abstém de um comportamento na defensiva. Abre possibilidade de diálogo com respeito e educação, cria espaço para aprendizado e consideração e, mais importante, permite que seu ego aceite sem fazer com que você se sinta diminuído ou com necessidade de diminuir alguém.

Por fim, não tenha medo de respostas negativas. Continue fazendo seu trabalho da melhor forma possível, esteja aberto a novas ideias e entenda que algumas pessoas realmente estão dispostas a ajudar no seu crescimento e outras que simplesmente acabam ferindo o próximo (e que isso não tem nada a ver com você, mas isso já é assunto para um novo post). E mais importante: não deixe que isso te machuque.

Seu trabalho como artista é buscar o que tem valor pra você e manter seu processo de autoconhecimento e evolução constante (não linear, mas constante).

Continue buscando sua melhor forma de expressão. Isso sim é interessante.

Mariana Studio

eumariana.st@gmail.com

Rio de Janeiro, Brasil

CNPJ 31.490.117/0001-24

Envios toda quarta-feira

Receba novidades em primeira mão:

© Todos os direitos reservados / Mariana.Studio. 

  • Black Instagram Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Facebook Icon